SINPROVERJ, origens e atualidade



Em 1950, era criada a ECIF – Associação dos Empregados no Comércio e Indústria Farmacêutica, constituída exclusivamente pelos profissionais da propaganda médica. Pelos Estatutos, a nova Associação propunha-se a atender os justos anseios de aproximadamente três mil propagandistas- vendedores de produtos farmacêuticos, insatisfeitos pela visível falta de unidade na classe, pois achavam-se dispersos em várias entidades heterogêneas do então Distrito Federal.

Em 25/04/1956, surgia a Associação Profissional dos Propagandistas de Produtos Farmacêuticos, instalando na sua Sede à Av. Pres. Wilson, 210/13ª andar.

Emblema da AECIF – Associação dos Empregados no Comércio e Indústria Farmacêutica, embrião do SINPROVERJ

Em 19/04/1958, finalmente era fundado o Sindicato de Propagandistas de Produtos Farmacêuticos do Estado do Rio de Janeiro. Em solenidade no auditório do jornal O Globo - repleto de autoridades, profissionais da propaganda médica e familiares, médicos e convidados -, por sugestão do Sr. José Ferreira Soares, presidente da Associação Profissional dos Propagandistas de Produtos Farmacêuticos e da Diretoria Provisória do Sindicato, o ministro do Trabalho, Parsifal Barroso, fazia a entrega da carta de reconhecimento oficial ao Augusto Hylário da Silva Marques, então presidente da ECIF. Prestigiaram o evento com suas presenças, não só o ministro do Trabalho, declarando que também representava o Presidente da República, Juscelino Kubitschek de Oliveira, assim como outras personalidades: prof. Mauricio de Medeiros, ministro da Saúde, e Renato Pacheco Filho, presidente da Associação Médica do DF, que discursaram saudando a classe pela vitória alcançada.

Solenidade em 1977, de investidura da Diretoria do SINPROVERJ, vendo-se o então presidente do Sindicato, Olímpio Coutinho Filho, de pé, na mesa

A primeira Diretoria do Sindicato surgiu por consenso após longas negociações entre várias correntes, sendo eleita, para o período de 1958 a 1960, a chapa única presidida por Antonio Paulo Andreazzi, tendo como pares o secretário João Ribeiro, o tesoureiro Cid Catilina e, no Conselho Fiscal, Augusto Hylário da Silva Marques. Na sequência, o Sindicato teve como presidentes eleitos Arlindo da Silva, 1960 a 1962 (reeleito para o período de 1962 a 1964; Luiz Viana, 1964 a 1966; Solino Peres, 1966 a 1968; Claudionor Peres, 1968 a 1971; Olimpio Coutinho Filho, 1971 até 1986; José Guimarães Alves, 1986 a 1989; Luiz Fernando Nunes, 1989 a 2013.

Em 2013, as eleições determinaram a vitória de Luiz Edmundo Quintanilha de Barros para presidente. Mesmo encabeçando chapa única, Barros recebeu 84% dos votos. O índice é recorde absoluto na história do SINPROVERJ. A novidade foi Elizabeth Nascimento, primeira mulher a integrar a Direção do Sindicato.

O senador Nelson Carneiro (esquerda) e o deputado federal Alcir Pimenta, autor da Lei nº. 6224, de 14/07/1975, que regulamentou a profissão do propagandista, presentes à posse da Diretoria em 1977

Filiação à Fenavenpro

Em 26/06/1971, por iniciativa do então diretor Olímpio Coutinho Filho, o Sindicato filiou-se à Federação Nacional dos Empregados Vendedores e Viajantes do Comércio, Propagandistas, Propagandistas-Vendedores e Vendedores de Produtos Farmacêuticos. A matrícula do SINPROVERJ na Fenavenpro leva o número 10.

Sede Social

Regulamentação Profissional

Pela Lei nº. 6224, de 14/07/1975, oriunda do projeto do prof. Alcir Pimenta, na época deputado federal, a classe que temos a honra de representar obteve finalmente a sua regulamentação profissional. Tal acontecimento veio possibilitar, substancialmente, o ingresso na Federação Nacional dos segmentos de nossa categoria profissional distribuídos em vários Estados.

Sede Campestre

Companheiro, se você tiver a oportunidade de conhecer a sede campestre, vai gostar muito. São mil metros quadrados de pura natureza com piscina, campo de futebol society, quadra de vôlei e ampla churrasqueira. A sede recreativa dispõe também de confortáveis instalações para repouso e alívio da tensão do dia a dia.

A sede Campestre fica localizada na Rua Minas Gerais lote 36 a 38, no bairro Ilha, em Piabetá, Distrito do Município de Magé.

Sede Social

Dispõe de dependências adequadas ao satisfatório funcionamento do expediente interno (no 1° andar, salas da presidência, recepção, secretaria, departamento jurídico, copa, cozinha, instalações sanitárias(2) e, no térreo, amplo auditório comportando comodamente 40 pessoas, sala de biblioteca, depósito e instalações sanitárias). Vale a pena ressaltar que nossa sede social é própria pertencente, portanto, ao patrimônio da categoria.

Diretoria

  • Luiz Edmundo Q. de Barros (Presidente)
  • André Dias Lavatori
  • Tasso Renan Reis Escobar
  • Elizabeth Aparecida do Nascimento
  • Carlos Valdimir Krull
  • Luiz Carlos Ribeiro
  • Waldir Ribeiro da Silva
  • Luiz Antonio Manhães de Azevedo
  • Mario Fernandes Alvarães
  • Elizabeth Aparecida do Nascimento
  • Luiz Fernando Nunes
  • Francisco da Costa Vieira
  • Deocoeli Storino Romualdo
  • Ronaldo Fernandes
  • Jorge Luis Silva
  • Marcelo Carlos de Jesus Ramos
  • Francisco da Costa Vieira
  • Reynaldo Jorge de Oliveira Costa